quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Deputados não aceitarão a renúncia de Evo e não reconhecerão auto-proclamada presidente da Bolívia

Revista Fórum

“Não se preocupem com o que está acontecendo porque é um show midiático e nada mais”, informou o deputado Rubem Chambi, que prometeu que a Câmara vai desconhecer a carta de renúncia de Evo Morales

A autoproclamação da senadora Jeanine Añez como presidenta da Bolívia promete mobilizar deputados do MAS, partido de Evo Morales, a desconhecer a renúncia apresentada pelo presidente boliviano na Câmara dos Deputados na quarta-feira (12). Confirmada a medida, a tomada de poder por Añez seria anulada.


O deputado Ruben Chambi declarou à TeleSUR que será convocada nesta quarta-feira, às 16h de La Paz [17h de Brasília], uma sessão na Câmara com o objetivo de declarar o desconhecimento da carta de renúncia apresentada pelo presidente Evo Morales e anular a autojuramentação feita pela senadora golpista.


“Amanhã, mais de dois terços vamos nos reunir e, por unanimidade, vamos rechaçar a carta de renúncia do presidente para que ele volte e reassuma todas as funções do Estado Plurinacional para levar adiante nosso processo de transformação. Não se preocupem com o que está acontecendo porque é um show midiático e nada mais”, informou Chambi em aúdio.


(...)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário