GOLPE DURO PARA BURGUESADA: Lula foi capa do maior jornal francês e Papa Francisco se manifestou

A carta de Lula, direto da prisão, foi capa de destaque do mais importante jornal francês, o Le Monde.

Rússia e China: pesadelo dos EUA se torna realidade

A nova política dos EUA em relação à China está levando à aproximação entre Moscou e Pequim, comenta o analista russo Timofei Bordachev.

URGENTE: Lava Jato pode ter fraudado documentos para incriminar Lula; CONFIRA CÓPIAS!

Surgem novos documentos que podem comprovar o que declarou o deputado Sibá em um encontro realizado no último sábado (5).

Lula preso sem provas, Paulo Preto ''com cem milhões" solto. Justiça?

Se alguém do campo progressista ainda tinha dúvidas sobre o posicionamento político do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), foram relembrados nesta sexta-feira, 11.

Engenheiros da Petrobrás dizem que política de preços de combustíveis beneficia grupos estrangeiros

A AEPET reafirma o que foi expresso no Editorial “Política de preços de Temer e Parente é ‘America First!’ “, de dezembro de 2017.

Mostrando postagens com marcador Vídeo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Vídeo. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

🎥Bebianno: foi bolsonaro quem falou de dossiê de “suruba gay” do “príncipe”

Bebianno ainda desafiou o presidente a contraditar sua versão e disse que ambos poderiam se submeter a um detector de mentiras


O ex-ministro Gustavo Bebbiano, atualmente no PSDB, divulgou um vídeo na noite desta quarta-feira (13) dizendo que foi Jair Bolsonaro quem falou sobre um dossiê que teria imagens do hoje deputado Luís Philippe de Orleans e Bragança (PSL-SP) em “suruba gay”, “baile de máscaras gays” e relatos de envolvimento com gangues de rua que “agridem mendigos”.


O ex-ministro contou ter recebido um telefonema de Bolsonaro em sua casa, de madrugada, e aponta o deputado Julian Lemos (PSL-PB) como testemunha. Segundo Bebianno, Bolsonaro recebeu os papéis contra “o príncipe” de “um delegado federal e um coronel do Exército”.
“Mais uma vez o senhor presidente falta com a verdade ao inventar e distorcer uma história que não é verdadeira”, disse Bebianno. “Então, eu gostaria de desafiar o presidente da República, seu Jair Bolsonaro, a provar essa mentira. Queria que o presidente tivesse a coragem de dizer isso olhando nos meus olhos”, afirmou.


Bebianno ainda desafiou o presidente a contraditar sua versão e disse que ambos poderiam se submeter a um detector de mentiras.
Assista ao vídeo
 
Fonte: Revista Fórum

domingo, 10 de novembro de 2019

🎥Forças Armadas na Bolívia se unem à oposição e Evo Morales renuncia. Golpe está consumado

O presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou sua renúncia neste domingo (10). Morales havia anunciado pela manhã a convocação de novas eleições presidenciais no país, mas a oposição não aceita disputar um novo pleito com a participação dele. “Lamento muito este golpe. A luta não termina aqui”, disse o presidente em comunicado oficial.
“O sistema capitalista não é uma solução para a humanidade”, disse também Morales em seu discurso de despedida do cargo.
O vice-presidente boliviano, Álvaro Garcia Linera, também renunciou e afirmou que “o golpe de Estado se consumou”. “Estamos renunciando para que não golpeiem mais nossa gente. Seguiremos lutando. Dedicamos nossa vida para defender os pobres e humildes e seguiremos lutando”, disse Linera.
Neste tarde, As Forças Armadas e o comandante-geral da polícia se uniram aos opositores e pediram a renúncia de Evo. Segundo a BBC News, o chefe do exército na Bolívia exortou o presidente a renunciar em meio a protestos decorrentes de sua reeleição no mês passado.
Também segundo o jornalista Freddy Morales, da rede TeleSUR, as Forças Armadas pediram que o presidente renunciasse ao cargo na tarde deste domingo .
O líder da oposição Carlos Mesa, que ficou em segundo lugar na eleição de 20 de outubro, exigiu que Morales e seu vice-presidente se retirassem da nova eleição. “Nem devem presidir o processo eleitoral”, disse ele.
“Se você tem um pingo de patriotismo, deve se afastar”, disse Mesa em entrevista coletiva no domingo.
A deputada Jandira Feghali, (PCdoB-RJ) classificou a manifestação do Exército boliviano de gravíssima. “Mesmo depois de Evo anunciar que convocaria novas eleições, seguindo orientações internacionais, chefe das Forças Armadas exige renúncia dele. O país pode estar caminhando para um horizonte horrível que já vimos na História”, disse a deputada no Twitter.
Confira o pronunciamento de Morales:

 Fonte: Rede Brasil Atual

sábado, 9 de novembro de 2019

🎥Lula: a gente não pode permitir que os milicianos acabem com esse país

Em discurso emocionado no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, um dia após deixar a prisão, Lula faz críticas pesadas ao governo Bolsonaro e chamou a militância para a luta: "a gente não pode ter medo". Assista ao vivo


Emocionando em cima de um carro de som no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, o ex-presidente Lula faz um discurso histórico na tarde deste sábado 9, um dia após ter sido solto de sua prisão política em Curitiba, onde ficou por 580 dias.


"Vocês não têm dimensão do que significa o dia de hoje para mim", começou Lula, agradeceu a militância. "Lá em cima tá o helicóptero da Rede Globo de Televisão para falar merda outra vez sobre o Lula e sobre nós", provocou em seguida.
Lula criticou o juiz que lhe condenou, Sergio Moro, hoje ministro de Bolsonaro, fez críticas à Lava Jato e lembrou do dia em que foi levado para ser preso pela Polícia Federal, no mesmo local, há um ano e sete meses. 
"Quando um ser humano tem clareza do que ele quer na vida, do que ele representa e de que seus algozes estão mentindo, eu tomei a decisão de ir lá pra PF - eu poderia ter ido para uma embaixada, para outro país - porque eu precisava provar que o juiz Moro não era um juiz, era um canalha que tava me julgando. Que o Dallagnol não representa o MP, montou uma quadrilha com a força-tarefa da Lava Jato, inclusive para roubar dinheiro da Petrobras e das empreiteiras. Se eu tivesse saído do Brasil, eu seria tratado como fugitivo", afirmou.
Lula disse, porém, que se preparou "espiritualmente para não ter ódio". "Quando eu saí daqui eu tinha uma missão. Fiquei numa solitária e durante 580 dias eu me preparei. Me preparei para não odiar meus algozes. Eu dormia com a consciência tranquila", disse.
O ex-presidente fez críticas pesadas ao governo Bolsonaro e chamou a militância para a luta, sem ter medo de ameaças de ditadura. 
“Eu acho que não tem outro jeito. Não tem ninguém que conserta esse país se vocês não quiserem. Não adianta ficar com medo, ficar preocupado com as ameaças que eles fazem na televisão de que vai ter miliciano, vai ter AI-5. Este país é de 210 milhões e não podemos deixar que os milicianos tomem conta”, disparou.
"Eu não posso ver, aos 74 anos de idade, ver essa gente destruindo o país que nós construímos", completou. Em seguida, Lula voltou a dizer que "está disposto a voltar a andar por esse país". 
Assista ao vivo pela TVT:

Fonte: Brasil 247
PUBLICIDADE

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

🎥PF invadiu cela de Lula com intimação às 6h da manhã

Ex-presidente Lula chamou ação da Polícia Federal de "palhaçada" em entrevista a Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania. "Você acredita que entraram ontem na cela que eu estou 6 horas da manhã? Como se tivessem fazendo uma coerção!", disse (assista)


A Polícia Federal invadiu a cela onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está preso às 6h desta terça-feira 6. A denúncia foi feita pelo próprio Lula, em entrevista a Eduardo Guimarães, editor do Blog da Cidadania (assista abaixo).
"Você acredita que entraram ontem na cela que eu estou 6 horas da manhã? Como se tivessem fazendo uma coerção!", disse Lula, que chamou a ação de "palhaçada".

O objetivo era entregar uma intimação para Lula depor às 10h em ação que buscava prender a ex-presidente Dilma Rousseff. 
Para a defesa de Lula, a ação é uma demonstração de força da PF. Segundo os advogados, por Lula estar preso, não precisa de uma intimação para prestar depoimento.
Assista:



Fonte: Brasil 247

terça-feira, 29 de outubro de 2019

🎥Bolsonaro foi citado por suspeito de matar Marielle Franco, revelam investigações

Investigações da Polícia Civil revelam que um dos suspeitos do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes foi ao condomínio onde mora o ex-PM Ronnie Lessa, apontado como autor dos crimes. Na portaria, o suspeito teria dito que iria visitar Jair Bolsonaro, que também tem casa no local, mas estaria em Brasília no dia. Com a revelação, inquérito deve ser levado ao STF

Investigações sobre os assassinatos da vereadora Marielle Franco e do seu motorista Anderson Gomes revelaram que um dos suspeitos dos crimes citou Jair Bolsonaro. Com isso, as investigações devem ser levadas para o Supremo Tribunal Federal, por conta do foro privilegiado de Bolsonaro.
Segundo revelações do Jornal Nacional na noite desta terça-feira (29), a Polícia Civil do Rio de Janeiro teve acesso ao caderno de visitas do condomínio na Barra da Tijuca, na Zona Sul do Rio, onde Bolsonaro tem casa e o policial militar Ronnie Lessa, acusado de ser o autor dos disparos que mataram a vereadora Marielle.
O porteiro contou à polícia que, horas antes do assassinato, em 14 de março de 2018, o outro suspeito do crime, Élcio de Queiroz, entrou no condomínio e disse que iria para a casa do então deputado Jair Bolsonaro. Mas os registros de presença da Câmara dos Deputados mostram que Bolsonaro estava em Brasília no dia.
Ainda de acordo com a reportagem do Jornal Nacional , às 17h10 da data do crime, ele escreve no livro de visitantes o nome de quem entra, Élcio, o carro, um Logan, a placa, AGH 8202, e a casa que o visitante iria, a de número 58. Élcio é acusado pela polícia de ser o motorista do carro usado no crime.
O porteiro contou que, depois que Élcio se identificou na portaria e disse que iria pra casa 58, ligou para a casa 58 para confirmar se o visitante tinha autorização para entrar. Disse também que identificou a voz de quem atendeu como sendo a do "seu Jair" – ele confirmou isso nos dois depoimentos.
No registro geral de imóveis, consta que a casa 58 pertence a Jair Messias Bolsonaro. O presidente também é dono da casa 36, onde vive um dos filhos dele, o vereador do Rio Carlos Bolsonaro (PSL).
Como houve citação ao nome do presidente, a lei obriga o Supremo Tribunal Federal (STF) analise a situação.



Fonte: Brasil 247

🎥Magoado, Nando Moura tira todos os livros de Olavo de Carvalho de sua livraria: “Estou muito triste”

"Não consigo mais reconhecer o autor dos livros que eu li", desabafou o youtuber, após sofrer ataques de seu ídolo



O youtuber bolsonarista Nando Moura publicou um vídeo neste domingo (27) respondendo a ataques que sofreu do guru do governo de Jair Bolsonaro (PSL), Olavo de Carvalho. Nando diz que ficou muito triste com a situação e que tirou todos os livros do astrólogo de sua livraria.

“Não consigo mais reconhecer o autor dos livros que eu li. E praticamente todos, 95%. Mas enfim, professor Olavo de Carvalho, apesar dos pesares, eu desejo só o melhor”, disse o youtuber. De acordo com Nando, Olavo de Carvalho o tratou com “profundo desprezo” e o chamou de “idiota” por apoiar a Lava Toga.
Confira:

62 people are talking about this
Fonte: Revista Fórum

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

🎥Argentinos humilham a Globo e pedem Lula Livre em plena transmissão

Ao celebrar a vitória de Alberto Fernández na Argentina, cidadãos portenhos aproveitaram para invadir a transmissão da Globo e mandar um recado para o Brasil, pedindo Lula Livre justamente na emissora que semeou o ódio no Brasil e criou as condições para a ascensão de um governo neofascista no país. Confira o vídeo:


Los hermanos ya dijeron: LULA LIBRE!
Lula Livre direto de Buenos Aires, ao vivo, na Globo.


517 people are talking about this





Fonte: Brasil 247

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Vídeo: Deputada do PSL de Bolsonaro, confessa que partido usou laranjas

A deputada federal Dra. Soraya Manato (PSL-ES), confessou hoje em discurso na Câmara dos deputados que o PSL usou de candidaturas laranjas, ela afirmou: “Então, pessoal da esquerda, não tem ninguém santo aqui, não. Tem laranja em tudo que é partido. Aqui no PSL tiveram candidatos laranja, mas a grande maioria foi eleito honestamente”
Veja o vídeo:


quote class=”twitter-tweet”>
No plenario da Câmara, a deputada @DraManato confessa candidaturas ilegais no PSL: “Então, pessoal da esquerda, não tem ninguém santo aqui, não. Tem laranja em tudo que é partido. Aqui no PSL tiveram candidatos laranja, mas a grande maioria foi eleito honestamente” 👀💰💸 pic.twitter.com/OY7qc4Bi4I
— George Marques (@GeorgMarques) October 15, 2019

terça-feira, 15 de outubro de 2019

🎥Gilmar diz a Pedro Bial que Lula tem direito a um julgamento justo

sábado, 12 de outubro de 2019

🎥 O dinheiro encontrado com a quadrilha de fiscais da Receita ligados à Lava Jato

Semana passada, a Polícia Federal colocou na prisão um grupo e fiscais ligados a Lava Jato, por achacar delatores.
Num dos endereços ligados a um dos auditores da Receita, a Polícia encontrou R$ 1 milhão em notas de R$ 100,00, amarradas e escondidas em folhas de papel Sufite.


Com informações da VEJA
Veja os vídeos:


quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Com o livro de Janot na mão e “gravata de presidente”, Lula dispara: “A casa está caindo”

O ex-presidente Lula concedeu, nesta quarta-feira (2), uma entrevista exclusiva ao portal Migalhas, diretamente da superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde está preso há mais de um ano.


O petista apareceu usando sua velha gravata verde e amarela, a mesma que o acompanhou, em inúmeras ocasiões, durante seus anos como presidente da República. Ele também levou para a entrevista o livro “Nada Menos que Tudo”, do ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O ex-presidente afirma já ter lido a obra que traz uma série de revelações, como que os procuradores da Lava Jato e o ex-juiz Sérgio Moro tinham uma “fixação” por ele e que organizaram um conluio ilegal para o levar à prisão.


De acordo com Lula, “a casa está caindo” para Moro e Deltan Dallagnol. “Como se não bastasse eu falar, é só pegar o livro do Janot, pegar na página 182, no capítulo 15, essa frase aqui: ‘Objeto de desejo chamado Lula’. Eu cansei de falar que eu era um objeto de desejo para a Lava Jato de Curitiba. Então, agora, a casa tá caindo em benefício da verdade, em benefício de um julgamento justo que é a única coisa que eu quero”, disparou.

Assista.
 


Fonte: Revista Fórum

sábado, 28 de setembro de 2019

Bafo: homem desmoralizado por Bolsonaro não é desempregado e trabalha no Ministério do Turismo

Juliano Daldegan é assistente administrativo do Ministério do Turismo e na ocasião falava algo relacionado a ajudar o setor; segundo a fonte que o identificou para a Fórum, é entusiasmado apoiador do presidente

Na sexta-feira (27), Jair Bolsonaro foi flagrado em vídeo enquanto tirava selfies na entrada do Palácio da Alvorada, em Brasília, acompanhado por seus seguranças dizendo para um deles: “Só pelo bafo não vai ter emprego”.
Ele falava de um homem que enquanto tirava fotos lhe pedia algo. Mas não era emprego, como se pensava inicialmente. Juliano Daldegan é assistente administrativo do Ministério do Turismo e na ocasião falava algo relacionado a ajudar o setor, como se pode confirmar no vídeo. E ainda repetia a frase “vai dar tudo certo, vai dar tudo certo”.

Daldegan, segundo a fonte que o identificou para a Fórum, é entusiasmado apoiador de Bolsonaro.
Ele é do interior de Minas e parte da sua família hoje mora em Belo Horizonte.
Fórum procurou Daldegan pelas redes sociais e não obteve retorno.
Um apoiador do Bolsonaro foi pedir emprego pra ele, disse que "vai dar tudo certo" e tirou uma selfie sorridente.

O presidente comenta com um segurança: "só pelo bafo não vai ter emprego".
1.729 pessoas estão falando sobre isso

Fonte: Revista Fórum