GOLPE DURO PARA BURGUESADA: Lula foi capa do maior jornal francês e Papa Francisco se manifestou

A carta de Lula, direto da prisão, foi capa de destaque do mais importante jornal francês, o Le Monde.

Rússia e China: pesadelo dos EUA se torna realidade

A nova política dos EUA em relação à China está levando à aproximação entre Moscou e Pequim, comenta o analista russo Timofei Bordachev.

URGENTE: Lava Jato pode ter fraudado documentos para incriminar Lula; CONFIRA CÓPIAS!

Surgem novos documentos que podem comprovar o que declarou o deputado Sibá em um encontro realizado no último sábado (5).

Lula preso sem provas, Paulo Preto ''com cem milhões" solto. Justiça?

Se alguém do campo progressista ainda tinha dúvidas sobre o posicionamento político do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), foram relembrados nesta sexta-feira, 11.

Engenheiros da Petrobrás dizem que política de preços de combustíveis beneficia grupos estrangeiros

A AEPET reafirma o que foi expresso no Editorial “Política de preços de Temer e Parente é ‘America First!’ “, de dezembro de 2017.

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2022

Equipe de futebol acusa Record de fake news e promete processo

Christina Lemos no Jornal da Record de sábado: apresentadora errou informação e revoltou clube. Foto: Reprodução/Record



DCM  - Sampaio Corrêa, que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro, diz que a Record passou uma informação falsa sobre o clube na edição do Jornal da Record de sábado (26), segundo Gabriel Vaquer no Notícias da TV.

O time de futebol do Maranhão exige uma retratação no principal noticiário da emissora e ameaça processar na Justiça. Eles querem tomar as devidas providências.

No fim de semana, a emissora repercutiu as investigações sobre o ataque contra o ônibus do Bahia antes de uma partida com o Sampaio na Copa do Nordeste na quinta (24). O goleiro Danilo Fernandes, do tricolor, foi atingido por estilhaços de bombas jogadas em direção ao veículo e precisou ficar.




Record, entretanto, noticiou que o ataque foi orquestrado por torcedores do Sampaio Corrêa. A informação não procede. Segundo investigações feitas pela Polícia Civil, membros da maior organizada do Bahia, a BaAmor, arquitetaram o ato violento.




Erros

O programa jornalístico também errou a data do atentado. “Na terça-feira, o ônibus do Bahia foi atingido por explosivos lançados por torcedores do Sampaio Corrêa”, disse a apresentadora Christina Lemos, na reportagem.

Revoltados com o erro, os dirigentes do Sampaio Corrêa divulgaram uma nota para pedir uma retratação imediata pela emissora nesta segunda (28).

Clube diz confiar que a informação não foi dada de má-fé, mas se nada for feito, pode eventualmente entrar na Justiça contra a Record.




“O Jornal da Record divulgou a falsa informação de que torcedores do Sampaio Corrêa teriam sido os responsáveis pelo ataque a ônibus que conduzia a delegação do Bahia, na última quinta-feira.

O fato já está esclarecido, e o telejornal reportou uma notícia falsa ao telespectador. Por esta razão, pedimos a retratação imediata da emissora, em que pese sua credibilidade e compromisso com a verdade”, diz o comunicado do time.

Lula vai ao México para se encontrar com o presidente López Obrador

 


 DCMO ex-presidente Lula (PT) fará uma viagem ao México na próxima terça (1) para se encontrar com López Obrador, o presidente do país.

Essa é a primeira agenda internacional do ano feita pelo petista, que fez um giro pela Europa em 2021 e foi recebido nos países como chefe de Estado. A viagem acontece após um convite feito por Obrador, que é de centro-esquerda e, em inúmeras situações, apoiou o ex-presidente brasileiro.

A deputada e presidenta nacional do partido, Gleisi Hoffmann, acompanhará o ex-presidente na viagem, além dos ex-ministros Celso Amorim e Aloizio Mercadante, que atualmente é presidente da Fundação Perseu Abramo, e o senador Humberto Costa (PT-PE).





O presidenciável terá encontro com deputados e senadores do México e também terá encontro com lideranças do Morena, partido de Obrador.




Agenda internacional de Lula foi exitosa em 2021

Lula, quando esteve na Europa ano passado, foi elogiado pelo novo chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, e aplaudido de pé no Parlamento Europeu. Ele ainda se reuniu com a vice-presidente da casa legislativa e teve uma agenda agitada na França, onde almoçou com a ex-prefeita de Paris, Anne Hidalgo, e encontrou o presidente do país, Emmanuel Macron.

Agora, o presidenciável tenta costurar uma série de alianças internacionais que possam possibilitar uma relação saudável em um futuro governo seu em 2023.

Papa Francisco se oferece para mediar solução para a guerra entre Rússia e Ucrânia

 


Do site RT – O Vaticano pediu à Rússia que cesse sua ofensiva militar na Ucrânia e se sente à mesa de negociações na esperança de pôr fim à ofensiva por meio da diplomacia, que o Papa Francisco diz estar pronto para mediar.

Em um comunicado na segunda-feira, o secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, apelou a Moscou para encerrar sua operação no país do Leste Europeu.




“A Santa Sé, que nestes anos acompanhou os acontecimentos na Ucrânia de forma constante, discreta e com grande atenção, oferecendo-se para facilitar o diálogo com a Rússia, está sempre pronta para ajudar ambas as partes a retomar esse caminho”, disse o segundo dignitário mais importante da teocracia.




Kiev afirmou repetidamente que saúda a oferta do Vaticano de mediar o impasse com Moscou. O embaixador da Ucrânia na Santa Sé, Andrey Yurash, chamou o Vaticano de "um lugar muito influente e muito espiritual para uma reunião".




Na sexta-feira passada, no que poderia ser visto como uma violação do protocolo diplomático normal, o pontífice de 85 anos apareceu na porta da frente da Missão Russa no Vaticano. O papa pediu ao enviado de Moscou que acabasse com o que chamou de “invasão russa da Ucrânia”.

O presidente russo, Vladimir Putin, anunciou que Moscou lançaria uma operação militar especial na Ucrânia na quinta-feira passada, durante um discurso televisionado à nação. O objetivo da ação, segundo o Kremlin, é “proteger o povo [do Donbass] que foi torturado por oito anos pelo regime ucraniano”.




O líder russo também pediu a completa “desmilitarização” e “desnazificação” da Ucrânia e prometeu processar aqueles que estavam envolvidos em “vários crimes sangrentos contra civis”. A decisão de Moscou de iniciar a operação veio após um pedido oficial dos líderes das Repúblicas Populares de Donetsk (DPR) e Lugansk (DPR) para “ajudar a repelir a agressão militar ucraniana”.

Arthur do Val e líder do MBL viajam até a Ucrânia no meio da guerra

 


 DCM - Oportunistas, o youtuber Arthur do Val MamãeFalei e o líder do MBL, Renan Santos, resolveram viajar até a Ucrânia no meio da guerra com a Rússia.

Eles querem, claro, fazer campanha política pela pré-candidatura do MamãeFalei para a prefeitura de São Paulo pelo Patriota, partido do ex-juiz Sergio Moro.

E os oportunistas querem posar de pacifistas e de anti-Putin em uma guerra que pode colocá-los em risco de vida. Querem aparecer, em resumo.




O problema: Muito provavelmente eles não conseguirão chegar na Ucrânia. Uma vez que, na situação de guerra em curso, os voos para o país estão cancelados. Eles dizem que tentarão de carro.




O que eles dizem em vídeo?

“Nós estamos em Frankfurt, acabamos de descer. Vamos embarcar para Viena, vamos atravessar de carro para passar a Eslováquia para chegar à fronteira com a Ucrânia e vê se a gente consegue entrar”

“Nós vamos ver parte do bolsonarismo mais ideológico tentando justificar o que o Putin tá fazendo”

“Esse celular é uma ferramenta e essa guerra é uma guerra de informação”





⚠️ MBL na Guerra: Pré-candidato ao governo de SP, Arthur do Val, anuncia que está chegando NA UCRÂNIA: O parlamentar ligado ao MBL disse que chega ao local para conversar com os ucranianos e tentar mostrar a realidade da guerra. O coordenador do MBL, Renan Santos, está junto.
Imagem
1 mil
Responder
Compartilhar

Carlos Bolsonaro ataca Luciano Huck por prometer a Alckmin votar em Lula

 


 Revista Fórum - Em jantar com Geraldo Alckmin, apresentador da Globo diz que trabalha pela terceira via, mas que jamais votará em Jair Bolsonaro em um segundo turno




Coordenador de mídias digitais da pré-campanha do pai, Jair Bolsonaro (PL), o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) atacou o apresentador da Globo, Luciano Huck, que em encontro com Geraldo Alckmin (sem partido) teria sinalizado que pode voltar em Lula (PT) no segundo turno das eleições presidenciais.

"Um dos líderes da tal “terceira via” alegando que pode votar no ex-presidiário? Não me diga!? Quase me assustei", ironizou o filho 02 de Bolsonaro.




Um dos líderes da tal “terceira via” alegando que pode votar no ex-presidiário? Não me diga!? Quase me assustei!
Image




Na publicação, Carlos compartilha uma imagem de notícia de Guilherme Amado, divulgado no site Metrópoles nesta segunda-feira (28) sobre um suposto encontro entre Huck e Alckmin.

O tucano não teria pedido explicitamente apoio do apresentador da Globo à chapa encabeçada por Lula.





Huck insistiu na terceira via, mas teria assegurado a Alckmin que jamais votaria em Jair Bolsonaro em uma disputa de segundo turno.