sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Preocupado com CPI das Fake News, PSL monta ‘kit obstrução’

Da Época
O PSL está preocupado com a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito das Fake News, que, em razão do potencial das descobertas que possam vir a surgir dali, tem sido chamada de nova “CPI do Fim do Mundo”. Em 2005, quando a CPI dos Bingos dinamitou as estruturas do PT, essa foi a alcunha dada à comissão pelo então presidente, Luiz Inácio Lula da Silva. Num drible ao governo no Senado, a oposição liderada pelo então PFL (hoje DEM) conseguiu instalar a investigação, que se propôs a apurar todo tipo de denúncia que surgia contra o governo.
A deputada Caroline de Toni (PSL-SC) é transparente sobre o temor do partido e do governo em relação à CPI. Ela diz que os colegas de colegiado têm um só alvo: o presidente Jair Bolsonaro. (…)
Como contra-ataque, o partido montou um “kit obstrução” para tentar impedir o funcionamento da comissão, revivendo a prática clássica do parlamento de usar os mecanismos do regimento interno para manobrar uma votação. Entre os hábitos mais recorrentes estão pedidos de leitura de ata — a dispensa é praxe no Congresso —, apresentação de recursos, solicitação de esclarecimentos e exigência de direito de resposta.
(…)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário