sábado, 29 de fevereiro de 2020

Bolsonaro volta a falar de "furo" para atacar jornalista mulher

O alvo da vez foi a jornalista Vera Magalhães, que apontou que o presidente compartilhou um vídeo convocando manifestações contra o Congresso


Da revista Fórum – O presidente Jair Bolsonaro voltou a usar o termo “furo jornalístico” de forma pejorativa para atacar uma mulher. O alvo da vez foi a jornalista Vera Magalhães, que apontou que o presidente compartilhou um vídeo convocando manifestações contra o Congresso.


“O vídeo abaixo chegou ao conhecimento da jornalista Vera Magalhães que, na sede de um FURO JORNALÍSTICO, publicou matéria como se eu estivesse convocando ato para as manifestações de 15/março/2020. Ela, certamente por má fé, não atentou que o vídeo era de 2015, onde houve uma manifestação no dia 15 de março (domingo) daquele ano contra o governo do PT”, disse o presidente em postagem no Facebook.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário