sexta-feira, 10 de dezembro de 2021

Outdoors com críticas a Bolsonaro são instalados em avenidas de BH: ‘Traidor’

 


BHAZ - Outdoors criticando o presidente Jair Bolsonaro (PL) foram espalhados por Belo Horizonte nessa quinta-feira (9). O alvo principal são as condições socioeconômicas enfrentadas no Brasil. Bolsonaro chegou a ser chamado de “traidor” em um dos painéis.

“Belo Horizonte amanheceu hoje [quinta] com três outdoors criticando o presidente Jair Bolsonaro”, diz trecho da publicação do perfil Fora Bolsonaro BH. Nas postagens realizada no Twitter e no Instagram, foram informados os locais onde eles estão situados:




  • Avenida Tancredo Neves
  • Avenida Barão Homem de Melo
  • Avenida Tereza Cristina

O preço do lito do combustível foi lembrado pelos manifestantes que pedem a saída do presidente do Palácio do Planalto. “Oferta! Gasolina R$ 7 o lito. É melhor ‘jair’ se endividando. ‘BolsoCaro'”. Em outro outdoor o capitão da reserva foi chamado de “traidor”.







O mesmo movimento também instalou painéis em São Paulo. Foram quatro outdoors colocados na rodovia Anchieta e na Estrada dos Alvarengas, em São Bernardo do Campo. “O Brasil piorou”, “Bolsonaro é do Centrão“, ” Fome para o povo. Mansão para os filhos”.








Não é a primeira vez

Ao longo do ano, outros outdoors foram espalhados por Belo Horizonte com críticas à gestão do presidente Bolsonaro. Em um deles foi lembrado, por exemplo, o aumento nos preços por conta da inflação. “Gasolina 40% mais cara, carne 25% mais cara, gás de cozinha 35% mais cara, energia 30% mais cara. Tá tudo caro? A culpa é do ‘BolsoCaro'”.

Após o fim dos trabalhos da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid, um painel destacou os crimes que Bolsonaro foi indiciado. “Quebra de decoro, violação de direito social, infração de medida sanitária, prevaricação”, são alguns dos crimes.







0 comentários:

Postar um comentário