sexta-feira, 20 de agosto de 2021

VÍDEO – Alvo de operação da PF, Otoni chama Moraes de “tirano” e diz que não vai recuar

 


DCMAlvo de operação da Polícia Federal, o deputado bolsonarista Otoni de Paula publicou um vídeo sobre o caso.

Ele fez uma live no Facebook após os agentes deixarem sua casa e afirmou que “não tem medo de tirania”.




“Vamos em frente, com muita coragem, mostrando que nós não temos medo de tirania, seja ela de quem for, inclusive do senhor tirano ministro Alexandre de Moraes. Que vergonha, ministro”, disse.

Otoni de Paula é alvo antigo do Supremo

O deputado foi denunciado em 2020 por difamação, injúria e coação em vídeos com ataques e ofensas a Alexandre de Moraes.



Ele já chamou o magistrado de “lixo”, “tirano” e “canalha”.

Otoni era um dos vice-líderes do governo Bolsonaro.

Sérgio Reis virou alvo da Justiça após ameaçar o STF

O cantor bolsonarista virou alvo de 29 subprocuradores por incitação ao crime ao dizer que iria “quebrar tudo” no STF “com o povo”.

Mesmo na mira da Justiça, ele dobrou a aposta e não recuou contra a Corte.



“Se tiver de morrer, morro”, afirmou.

Ele será investigado em inquérito policial por três crimes: ameaça, dano e atentado contra a segurança de meio de transporte.

0 comentários:

Postar um comentário