quinta-feira, 29 de julho de 2021

Vídeo: Clube vai ajudar torcedor que comeu ração para não passar fome em Igarapé

 


O Tempo - Instituto Galo mandou cestas básicas a Jorge Nonato e vai fazer vaquinha para reforma na estrutura da casa do atleticano



Após o vídeo de Jorge Gomes Nonato, de 51 anos, viralizar nas redes sociais, o Atlético, através do Instituto Galo, vai ajudar o torcedor que comeu ração de cachorro misturada no feijão para não passar fome em Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte. Em conversa com a reportagem de O TEMPO, na tarde desta quinta-feira (29), um dos conselheiros da fundação, Bruno Rodrigo, contou quais ações serão realizadas. Em conversa com a reportagem, nesta manhã, Jorge contou ser torcedor do Galo e disse que tem o desejo de conhecer o jogador Hulk.

Veja vídeo:





"Nós recebemos esse vídeo, ontem, através de um atleticano que me enviou pelo WhatsApp. Eu encaminhei imediatamente esse vídeo ao grupo do conselho do Instituto Galo. O instituto é uma fundação do Atlético para ação social. A primeira pessoa que respondeu no grupo foi o presidente do Atlético, que me incumbiu da missão de localizar o  senhor Jorge e entender a melhor maneira que poderíamos ajudar. A primeira ação foi atendê-lo na necessidade emergencial. O conselheiro Henrique Rocha foi para Igarapé e mandamos cestas básicas, carne, leite, sacolão, produtos de limpeza e higiene pessoal", detalhou Rodrigo.

Segundo ele, o segundo passo é promover uma "vaquinha" para ajudar na reforma na estrutura da casa e também na compra de móveis novos. Jorge está desempregado há cerca de seis anos. O instituto também vai tentar conseguir um emprego para o torcedor, além de disponibilizar um médico para atendê-lo. O homem afirma ter problemas na clavícula e sofre de depressão.

Encontro com Hulk

De acordo com Bruno Rodrigo, o Hulk já tomou conhecimento da situação do torcedor e quer ajudá-lo de alguma forma.

"O Atlético está seguindo protocolos muito rígidos e muito sérios de prevenção ao Coronavírus. Nós precisamos nos organizar para promover esse encontro com muita segurança. Já pensamos nessa possibilidade da visita dele na Cidade do Galo e o encontro dele com o Hulk, mas ainda não temos uma data", destacou. 

Como ajudar na vaquinha

Quem puder e quiser ajudar na vaquinha pode procurar o Instituto Galo. "Pode nos procurar pelo Instagram ou Twitter. Estamos à disposição dessas pessoas solidárias, atleticanos e não atleticanos, que querem nos ajudar. Só nos procurar que nós vamos enviar o link, a conta , o PIX para fazer essa arrecadação. É muito importante que nesse momento a gente tenha essa responsabilidade social, esse espírito solidário para ajudá-lo", finalizou .

0 comentários:

Postar um comentário