sábado, 31 de julho de 2021

Paulo Guedes diz que o IBGE está ultrapassado por mostrar a tragédia de sua gestão na economia

 


 A Postagem “Se os fatos são contra mim, pior para os fatos” (Nelson Rodrigues)



Em síntese, foi o que disse o indignado Paulo Guedes hoje, atacando o IBGE por divulgar a realidade do desemprego recorde no país.




O desemprego no Brasil está em 14,6%, e a divulgação do desastre foi motivo de irritação de Guedes não com a sua trágica política econômica, mas com o IBGE por ter mostrado que há uma nação de segregados no mercado de trabalho que reflete com clareza a tragédia de 15 milhões de brasileiros que não têm emprego.

Isso, mais uma vez, revela que há um gigantesco embuste na fala de Paulo Guedes, e a tal recuperação econômica anunciada pelos neoliberais desde Temer, transformou-se numa série de fracassos, mentiras e tapeações.



Para Guedes, então, é mais fácil atacar o IBGE por mostrar a realidade do que revelar o que há por trás do buraco negro em que se transformou a economia brasileira que prometia fazer do país a Meca da riqueza.



Na verdade, Bolsonaro e Temer disputam medalha de ouro numa olimpíada de fracasso econômico.


Guedes, com seu minúsculo intelecto, agarrado ao neoliberalismo pinochetista, achou melhor dizer que o IBGE está na época da pedra lascada.

Na realidade, isso é uma xerox do que Bolsonaro já está fazendo, prevendo a sua derrota em 2022 quando ataca as urnas eletrônicas.

Não há aí uma novidade, o incêndio criminoso da Pinacoteca, segundo o vigarista Mário Frias, é culpa do PT, mesmo que o Ministério Público tenha avisado ao governo Bolsonaro que essa tragédia estava por acontecer, assim como ocorreu no governo Temer com o Museu Nacional.

Tudo isso é resultado de pensamento único, fascista de quem promove hecatombes diárias, como ocorreu na pandemia por culpa exclusiva de Bolsonaro, chegando a 550 mil vítimas fatais.

Mas, segundo o insano, a culpa é do STF, prefeitos e governadores, assim como, depois de mandar tacar fogo na Amazônia e ser repudiado por todo o planeta, Bolsonaro culpou os índios pelos incêndios.

0 comentários:

Postar um comentário