sexta-feira, 23 de julho de 2021

Judeus protestam contra nova aproximação entre bolsonaristas e nazistas

   


 Brasil 247  -"Bia Kicis esteve com a AfD, da extrema-direita alemã, com raízes ligadas ao nazismo e notadamente xenófobo. O partido é investigado pela Inteligência alemã por posturas antidemocráticas. Sob a capa do conservadorismo, o bolsonarismo não se preocupa mais em esconder suas simpatias", postou o grupo Judeus pela Democracia, em suas redes sociais.

"O Museu do Holocausto fez um fio que merece ser lido. A amiga de Bia Kicis é neta do ministro nazista das Finanças e um dos poucos membros do gabinete do Terceiro Reich a servir continuamente desde a nomeação de Hitler como chanceler", prosseguiu o grupo. Confira:



Bia Kicis esteve com a AfD, da extrema-direita alemã, com raízes ligadas ao nazismo e notadamente xenófobo. O partido é investigado pela Inteligência alemã por posturas antidemocráticas. Sob a capa do conservadorismo, o bolsonarismo não se preocupa mais em esconder suas simpatias
Image
O @MuseuHolocausto fez um fio que merece ser lido. A amiga de Bia Kicis é neta do ministro nazista das Finanças e um dos poucos membros do gabinete do Terceiro Reich a servir continuamente desde a nomeação de Hitler como chanceler.
Image
Museu do Holocausto
@MuseuHolocausto
A Alternative für Deutschland (Alternativa para a Alemanha) é um partido político alemão de extrema-direita, fundado em 2013, com tendências racistas, sexistas, islamofóbicas, antissemitas, xenófobas e forte discurso anti-imigração. Querem duas histórias breves? Sigam o fio! + twitter.com/Biakicis/statu
823
9
Share this Tweet



0 comentários:

Postar um comentário