segunda-feira, 5 de julho de 2021

Adrilles defende Bolsonaro: 'Se alguém decide te dar dinheiro, não é roubo'


Estado de Minas- De acordo com o locutor da Rádio Jovem Pan,, Bolsonaro não 'roubou' da população quando aparentemente fazia 'rachadinhas'



Adrilles Jorge, ex-participante do "BBB" e locutor na rádio Jovem Pan, comentou, nesta segunda-feira (5/7), as novas acusações de corrupção envolvendo o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).



De acordo com o apresentador, Bolsonaro não “roubou” da população quando aparentemente fazia “rachadinhas”. 



Para o apresentador, se houve um acordo entre “patrão” e “funcionário”, não existe roubo e sim “corrupção”.  “Se alguém decidir de comum acordo te dar um dinheiro, não é roubo”, pontuou.
 

“Se alguém decide de comum acordo te dar um dinheiro, não é roubo” Adrilles dando um Duplo Twist Carpado para defender o Bolsonaro pic.twitter.com/7IxrRZIRmB
4.1K
677
Share this Tweet


Mais cedo, o UOL divulgou que a fisiculturista Andrea Siqueira Valle, ex-cunhada do presidente, contou, em gravações inéditas, que o presidente demitiu um irmão dela, André Siqueira Valle, porque ele se recusou a entregar a maior parte do salário de assessor do então deputado federal.


A declaração da ex-cunhada é o primeiro indício de envolvimento direto de Bolsonaro em um esquema ilegal de entrega de salários, conhecido como “rachadinha”, dentro de seu próprio gabinete no período em que foi deputado federal.


Andrea e André são irmãos de Ana Cristina Siqueira Valle, segunda mulher do presidente.

Bolsonaro ocupou o mandato de parlamentar na Câmara dos Deputados entre 1991 e 2018.

0 comentários:

Postar um comentário