quinta-feira, 18 de março de 2021

Voto de Kassio Nunes na suspeição de Moro pode beneficiar Lula e prejudicar Flávio Bolsonaro ao mesmo tempo


O voto que o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Kássio Nunes dará na suspeição de Sergio Moro, decisivo para o veredicto sobre o tema, é aguardado com ansiedade não apenas pela defesa de Lula, que entrou com a ação —mas também por ministros do governo de Jair Bolsonaro e por políticos de sua base.


PALAVRA

A absolvição de Moro pode abrir a possibilidade de Lula ser novamente impedido, pela via judicial, de concorrer à Presidência em 2022 —o que, acreditam, beneficiaria Jair Bolsonaro.


BUMERANGUE

Por outro lado, o posicionamento de Kássio poderia atingir em cheio, no futuro, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) em julgamentos no STF.

BUMERANGUE 2
A absolvição de Moro agora seria uma derrota para ministros garantistas —e não apenas para os da 2ª Turma, que o julgará.



VOTO VENCIDO

O impacto poderia ser tão violento que dificultaria tanto magistrados como defensores que militam pelo garantismo de seguirem na defesa enfática de suas teses —conformando-se, portanto, com a jurisprudência lavajatista que prevaleceria no tribunal.

CRISTAL

Bolsonaro tem dito a interlocutores que não se envolverá na discussão. Na terça (16), porém, ele declarou a um fã que o ex-presidente “não vai ficar elegível, não” em 2022.


0 comentários:

Postar um comentário