quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Promotor é suspenso por 53 dias sem salário por xingamentos a comunistas e esquerdistas

De Rosane de Oliveira no GaúchaZH.

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) aplicou uma punição de 53 dias de suspensão, com corte de salário, ao promotor gaúcho Eugênio Paes Amorim, por publicações em redes sociais com xingamentos a “comunistas” e “esquerdistas”. De acordo com fontes do MP, a pena foi mais pesada porque Amorim é reincidente.


Fonte: DCM
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário