quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Bolsonaro já cometeu mais de 10 crimes de responsabilidade na Presidência

Não é a primeira vez que Bolsonaro incita um ato que pode resultar em um processo de impeachment. As cartas estão na mesa. Quem salvará a república?




Bolsonaro decidiu fazer a única coisa que faz de melhor, cometer crimes de responsabilidade. Mas não é a primeira vez que Bolsonaro incita um ato que pode resultar em um processo de impeachment.
Listarei os crimes que ele já cometeu – vale lembrar que essa lista não está em ordem cronológica ou de gravidade.
Veja os outros crimes de responsabilidade que ele cometeu:

1 – Quando publicou o vídeo Golden Shower durante o Carnaval de 2019 em seu perfil no Twitter. Quebra de decoro;


2 – Ameaçou direitos civis consagrados pela Constituição, como a liberdade de imprensa e a liberdade de livre pensamento quando disse que o jornalista Glenn Greenwald poderia “pegar uma cana”;
3 – Ele cometeu crime contra a administração pública quando negou sistematicamente dados oferecidos pelas próprias agências governamentais para a promoção de políticas públicas;
Na categoria peculato, nepotismo e outros usos da máquina pública em benefício próprio ele ainda cometeu dois crimes:
4 – Exonerou fiscal do IBAMA que o multou por pesca em área ilegal;

5 – Utilizou helicóptero da FAB para transportar parentes ao casamento do filho;
6 – Ao colocar o Banco do Brasil e o consulado brasileiro ajudando a pagar jantar em homenagem para ele próprio nos EUA;
7 – Tratou sobre a Venezuela com a CIA promovendo “ato de hostilidade contra nação estrangeira, expondo a República ao perigo da guerra, ou comprometendo-lhe a neutralidade”;
8 – A determinação de que os quartéis deveriam comemorar o golpe de 1964 também pode ser enquadrado como crime de responsabilidade

9 – Ainda vale lembrar que toda a zona promovida por Olavo e incitada por Bolsonaro também poderia ser considerada crime de responsabilidade uma vez que as atitudes promoveram a desobediência e indisciplina na caserna;
10 – Quando Bolsonaro decidiu mentir e atacar a honra de Fernando Santa Cruz, pai de Felipe Santa Cruz, presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil);
11 – a interferência direta da família Bolsonaro no caso Marielle envolvendo o episódio do porteiro também configura como crime de responsabilidade;


12 – E por fim agora temos Bolsonaro promovendo e apoiando de maneira direta manifestações que vão contra os poderes legislativo e judiciário;
Como vocês podem ver, motivos não faltam para que Jair Bolsonaro sofra um processo de impeachment, agora basta sabermos de as instituições farão seu papel de mantenedoras da República e da democracia ou se vão fazer um silêncio delinquente.
As cartas estão na mesa. Quem salvará a república?

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário