sexta-feira, 4 de outubro de 2019

Em depoimento, Marcelo Odebrecht desmente Palocci e afirma que condenação de Lula é injusta

O empresário Marcelo Odebrecht, ao ser ouvido nesta sexta-feira (4) pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, desmentiu Antonio Palocci e declarou que os depoimentos de seu pai, Emilio Odebrecht, e do ex-ministro, contra o ex-presidente Lula são “contraditórios”.


“É tremendamente injusto fazer uma condenação de Lula sem que se esclareçam as contradições dos depoimentos de meu pai e Palocci”, afirmou o empresário. Ele ressaltou que nunca participou de “tratativa ilícita” ao lado do ex-presidente, pois o interlocutor da empresa com Lula era o pai, Emílio.
Na acusação, o Ministério Público (MP) afirma que o ex-presidente teria facilitado financiamentos do BNDES para obras da construtora em Angola.
No entanto, Marcelo destacou que, embora a solicitação tivesse sido feita durante as negociações, não foi firmado o entendimento de que os pagamentos seriam uma contrapartida aos empréstimos do banco estatal.


De acordo com ele, com ou sem o apoio dos ex-ministros Paulo Bernardo e Palocci, o financiamento seria liberado, como vinha ocorrendo desde a década de 1990.
Com informações do Metrópoles
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário