quarta-feira, 22 de maio de 2019

Witzel coloca no currículo “doutorado em Harvard” e é desmentido; assessoria diz que ele tinha “intenção”

Assessoria de Witzel diz que informação constava no documento proque ele tinha a intenção de estudar na universidade estadunidense quando ainda era juiz federal, mas o objetivo nunca foi à frente

Ex-juiz federal, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), mentiu em seu currículo na plataforma Lattes dizendo que teria feito parte da pós-graduação em “judicialização da política” que ele cumpre na Universidade Federal Fluminense (UFF) na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

A UFF informou ao jornalista Renan Rodrigues, do jornal O Globo, nesta quarta-feira (22), que Witzel sequer manifestou interesse em participar da seleção para o programa, que acontece no campus de Cambridge, no estado de Massachusetts, nos EUA. É preciso se candidatar e passar por pelo crivo da universidade para obter a bolsa, que é financiada pelo governo brasileiro.


Ao repórter, Witzel confirmou que não estudou em Harvard. A informação, segundo a sua assessoria de imprensa, constava na plataforma Lattes porque o governador tinha a intenção de estudar na universidade estadunidense durante um ano quando ainda era juiz federal, mas o objetivo nunca foi à frente.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário