quarta-feira, 15 de maio de 2019

Para aliado do governo, ministro da educação deveria ser demitido hoje

Para o líder do Podemos, José Nelto (GO), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, deve sair da audiência no plenário da Câmara dos Deputados, onde presta explicações nesta quarta-feira (15) sobre os cortes nas verbas da pasta que resultaram na primeira onda de protestos nacionais contra o governo Jair Bolsonaro, como "ex-ministro".
"Haverá um questionamento muito duro com o ministro aqui em plenário. Acho que ele tem que entrar ministro e sair daqui ex-ministro", afirmou o parlamentar. Embora o Podemos não integre formalmente a base governista, a legenda é tida como aliada do governo.
A convocação de Weintraub para prestar explicações sobre os cortes na pasta foi considerada uma nova derrota para o governo Bolsonaro na Câmara. A sessão deverá ter início às 15h, paralelamente aos protestos que continuam ocorrendo em todo o país.
Somente na manhã desta quarta-feira, cerca de 1 milhão de pessoas já tinham saído para as ruas de diversas cidades brasileiras em defesa da educação.

Fonte: Brasil 247 
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário