segunda-feira, 27 de maio de 2019

Reinaldo Azevedo: ‘Sob pautas autoritárias, Moro acha que protestos são festa da democracia’

Da coluna de Reinaldo Azevedo no UOL:


Escrevi na manhã deste domingo três posts sobre movimentos autoritários que andam por aí. E apontei a matriz: Sérgio Moro, o chefe do que chamo “Papol” — Partido da Polícia.
Pois é… O ex-juiz foi ao Twitter comemorar os “protestos a favor” do governo. Entre outras coisas, escreveu aquele que ainda não se descolou do projeto de concorrer à sucessão de Bolsonaro: “Festa da democracia. Povo manifestando-se em apoio ao Pr Bolsonaro, Nova Previdência e ao Pacote anticrime. Sem pautas autoritárias. Povo na rua é democracia. Com povo e Congresso, avançaremos. Gratidão”.


Sem dúvida. Brasil afora, fingiu-se um apoio à reforma da Previdência, mas o que animava mesmo boa parte da turma e dos discursos era o ataque ao Congresso, ao Supremo e à imprensa.
Moro não acha essa pauta autoritária. Moro acha que isso é festa da democracia.
(…)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário