quarta-feira, 6 de março de 2019

Com homenagem a Marielle e críticas à ditadura militar, Mangueira conquista título e estraga de vez o Carnaval dos Bolsonaro

A Estação Primeira de Mangueira conquistou seu vigésimo título no Carnaval carioca com um gostinho especial: acabou de arrasar com os festejos de Momo da família Bolsonaro.
Intensamente criticada nas redes sociais por partidários do presidente da República, a Mangueira encerrou seu desfile com uma imensa bandeira verde e rosa, nos traços da bandeira brasileira, com o dístico “Índios, Negros e Pobres”.
Diante de uma bandeira com o rosto da vereadora Marielle Franco, desfilou a viúva dela, Monica Benício.
O primeiro ano do assassinato da mandatária do Psol completa um ano nos próximos dias sem que tenham sido presos os mandantes e autores.
O deputado estadual Rodrigo Amorim, do PSL, o mais votado no Rio de Janeiro, criticou as escolhas de sua escola antes mesmo do desfile:
Eu fico muito chateado. Da mesma maneira que as universidades estão absolutamente dominadas por essa ditadura cultural que a esquerda tenta impor, infelizmente também chegou à escola de samba. Fica claro pra mim que não é uma expressão da população. Há uma dominação cultural por parte da esquerda, que atingiu também os carnavalescos, que estão fazendo esse tipo de samba lacrador, como a esquerda gosta de dizer.
Ele é um safado sem noção, rebateu a cantora Alcione, também mangueirense.
O enredo da Mangueira propôs reescrever a História do Brasil a partir do olhar dos índios, negros e pobres.
Criticou, por exemplo, o patrono do Exército, o Duque de Caxias, denunciando o papel que o “Pacificador” teve em massacres populares e no genocídio dos paraguaios.
A escola manchou de sangue uma réplica do Monumento às Bandeiras, de Victor Brecheret, que ocupa espaço nobre em São Paulo.
E, com a jornalista Hildegard Angel em destaque, desfilou um carro alegórico com os dizeres Ditadura Assassina, em referência ao período que o presidente da República Jair Bolsonaro tanto venera.
O Carnaval dos Bolsonaro não poderia ter terminado em ritmo pior.
Fonte: Viomundo
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário