domingo, 2 de julho de 2017

Com a crise brasileira, Argentina passa a protagonizar liderança na América Latina

Macri recebe lideranças internacionais, pelo menos, uma vez ao mês, desde que assumiu; país vizinho está sendo também mais requisitado em encontros internacionais  
Maurício Macri Foto: Victor R. Caivano/AP
Jornal GGN – A crise institucional e política no Brasil abriu um vácuo de liderança na região latino-americana que começa a ser ocupado pela Argentina. A apuração é da BBC Brasil. Desde que Mauricio Macri assumiu o poder no país vizinho, em dezembro de 2015, recebeu a visita de, pelo menos, uma liderança internacional ao mês incluindo Ângela Merkel, da Alemanha, o então presidente dos Estados Unidos, Barack Obama e do vice-primeiro-ministro Taro Aso. Ao mesmo tempo, a Argentina passou a ser convidada para eventos internacionais que antes não comparecia, como o Fórum Econômico Mundial de Davos.
A Argentina voltou a entrar na rota de viagem de líderes internacionais e recebeu, desde a posse do presidente Mauricio Macri, em
Continue lendo no Blog do Nassif.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário