quarta-feira, 25 de agosto de 2021

Vídeo: Comediante afegão zomba de talibãs momentos antes de ser executado


 PragmatismoAfeganistão: Vídeo mostra comediante zombando do grupo extremista mesmo sob a mira de fuzis. Assassinato gerou revolta em grupos de defesa dos direitos humanos. Nazar Mohammad era considerado uma celebridade no país



Um comediante afegão foi executado pelo Talibã. O grupo extremista assumiu a autoria da morte de Nazar Mohammad Khasha, uma celebridade no país por seus vídeos no TikTok.

Conhecido como Khasha Zwan, Mohammad era famoso por zombar do Talibã. Um vídeo gravado no fim do mês passado mostra o momento em que o homem é capturado por integrantes do grupo.



Mesmo sob a mira de fuzis AK-47 e sendo agredido ao longo do caminho, Mohammad continua zombando dos talibãs.



An Afghan comedian from Kandahar, who made people laugh, who speaks joy and happiness and who was harmless, was killed brutally by Taliban terrorists. He was taken from his home.
196
45
Share this Tweet



Segundo o próprio grupo, o comediante foi levado para um local não informado, agredido e baleado múltiplas vezes.

Zabihullah Mujahid, um porta-voz do Talibã confirmou que Khasha foi preso pelos combatentes do grupo e morto enquanto estava sob sua custódia, mas alegou que ele tentou roubar uma arma, acrescentando que o incidente seria investigado.




Mujahid afirmou que dois integrantes foram os responsáveis pela execução e serão julgados pelo ato.



Ele próprio, porém, garantiu que Mohammad trabalhava para a Polícia Nacional Afegã e esteve envolvido na tortura de diversos talibãs.



Ele serviu por 18 anos como comandante de um posto, andava em armas, trabalhava com os EUA e se envolveu em extorsões e atos brutais. Ele não era um comediante nem inocente. Também estamos investigando por que ele foi morto sem julgamento”, disse Mujahid ao Arab News.

Morte causou revolta

A execução do comediante causou revolta no país e fez com que o grupo Human Rights Watch (HRW) se manifestasse, alegando que o episódio vai de encontro à promessa de não vingança feita pelo Talibã quando retomou o poder.

Forças do Talibã aparentemente executaram Khasha Zwan porque ele fazia piadas com lideres talibãs. Seu assassinato e outros abusos recentes mostram o desejo dos comandantes talibãs de combater violentamente a menor crítica ou objeção”, considerou a diretora do HRW na Ásia, Patricia Gossman.




Waheed Omar, diretor-geral do Gabinete de Assuntos Públicos e Estratégicos do governo afegão, disse: “As cenas do Talibã matando um comediante local ligado a Kandahar são uma gota no oceano em comparação com os massacres perpetrados pelo movimento”.



This video shows the moment, Kandahari comedian, Khasha was arrested by the Taliban, Slapping him inside the car and then killed him.
4K
492
Share this Tweet


Em uma postagem no Facebook, Sarwar Danesh, o segundo vice-presidente do Afeganistão, descreveu o assassinato de Khahsa como “um tapa na cara de todas as pessoas do Afeganistão … um insulto contra a humanidade e a dignidade” e uma violação da “justiça, conhecimento e arte. ”



Ross Wilson, o encarregado de negócios dos EUA em Cabul, também condenou o assassinato. “Nazar Mohammad ‘Khasha’ era um comediante amado, trazendo risos e alegria para sua comunidade, mesmo em tempos difíceis”, ele tuitou.

O Talibã o sequestrou e linchou, depois publicou alegremente evidências em vídeo no Twitter. Condenamos essas ações repugnantes e a liderança do Taleban também deveria. ”




Updated: Nazar Mohammad “Khasha” was a beloved comedian, bringing laughter & joy to his community even in dark times. The Taliban kidnapped & lynched him, then gleefully published video evidence on Twitter. We condemn these sickening actions & the Taliban leadership should too.
555
89
Share this Tweet



0 comentários:

Postar um comentário