segunda-feira, 16 de agosto de 2021

MP desconfia de indicado de Aras para atuar no TSE

 


Folha - Indicado por Augusto Aras, o subprocurador-geral da República Paulo Gonet é alvo de desconfiança pelo Ministério Público (MP).


Ele foi designado pelo procurador-geral da República para atuar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O PGR quer alguém que replique os interesses do governo Bolsonaro na corte eleitoral, informa a Folha.

Integrantes da cúpula da PGR acreditam que ele será fiel às diretrizes de Aras.



Recentemente, Gonet se manifestou contra a apuração da procuradoria aos ataques de Bolsonaro às eleições.


Aras sofre pressão para fiscalizar Bolsonaro

Apesar de deixar claro que nada fará para impedir as bravatas do presidente, o PGR ainda é alvo de pressão.



Recentemente, Luiz Fux pediu que ele cumpra seu papel diante das ameaças antidemocráticas feitas pelo presidente.

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) cobrou que ele dê andamento aos processos contra Bolsonaro que tramitam na PGR.

O subprocurador foi enviado ao TSE justamente no momento em que tramitam no tribunal processos que podem cassar a chapa presidencial.



0 comentários:

Postar um comentário