terça-feira, 10 de agosto de 2021

Delegado que promoveu ataque contra acampamento de Lula é encontrado morto dentro da sede da Polícia Federal


 G1  -  O delegado Gastão Schefer Neto, de 48 anos, foi encontrado morto na sede da Polícia Federal (PF) de Caxias do Sul, na Serra do Rio Grande do Sul, nesta segunda-feira (9). De acordo com a assessoria da PF, o caso está sendo tratado como suicídio. A informação é do portal G1.

A investigação sobre as circunstâncias do óbito ficará a cargo da própria instituição, já que o óbito ocorreu dentro de uma delegacia.

Natural do Paraná, Schefer estava trabalhando em Caxias do Sul desde o final de junho.



Em 2020, o delegado foi chefe de gabinete da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Dois anos antes, em 2018, Gastão Schefer Neto incitou uma confusão contra apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em Curitiba, de acordo com a Polícia Militar (PM) paranaense. O delegado teria empurrado e derrubado equipamentos de som de um acampamento, quando Lula estava preso na Superintendência da PF. Na época, tanto o agente quanto os apoiadores do ex-presidente chegaram a registrar boletim de ocorrência na Polícia Civil.





0 comentários:

Postar um comentário