terça-feira, 17 de agosto de 2021

Bolsonaro suspeita que Mourão queira se separar dele no TSE; vice nega

 


Metrópoles - Um informante levou a Bolsonaro que o vice-presidente estaria disposto a pedir o julgamento em separado nas ações que tramitam no TSE

Uma das razões que fez Jair Bolsonaro enlouquecer no sábado, ao saber que Hamilton Mourão e Luís Roberto Barroso, presidente do TSE, tinham se reunido na terça-feira (10/8), foi porque um de seus informantes levou a ele que o vice-presidente estaria disposto a pedir o julgamento em separado da chapa presidencial nas ações que tramitam na Justiça eleitoral contra os dois. E pior: Mourão teria tratado disso com Barroso.





Barroso e Mourão negaram à coluna peremptoriamente que isso tenha sido conversado. Mourão negou também que tenha essa intenção.

Tudo leva a crer, portanto, que seja mais uma informação do círculo mezzo bravateiro, mezzo paranoico que assessora e envenena o presidente. É sábido por quem convive há tempos com os Bolsonaro que a maneira mais fácil de manipulá-los é soprar-lhes ao pé do ouvido uma teoria da conspiração. Caem como patinhos.




0 comentários:

Postar um comentário