sábado, 7 de agosto de 2021

A mando de Bolsonaro, PF abre investigação para tentar salvar Flávio no caso das rachadinhas

 


Metrópoles  - A Polícia Federal decidiu instaurar um inquérito para investigar a principal tese da defesa de Flávio Bolsonaro para anular o caso Queiroz. A decisão ocorre por ordem do ministro da Justiça, Anderson Torres.




O ponto de partida do inquérito foi um relatório do Tribunal de Contas da União mostrando que houve acessos supostamente ilegais no perfil tributário de Flávio.

Em outubro de 2020, a coluna revelou que as advogadas de Flávio se reuniram com Jair Bolsonaro, o ministro Augusto Heleno e o diretor da Abin, Alexandre Ramagem, e pediram que o governo investigasse a suspeita.






0 comentários:

Postar um comentário