terça-feira, 7 de abril de 2020

Integrantes do Judiciário veem Bolsonaro desmoralizado depois de infernizar Mandetta

(…)


Para integrantes do Judiciário, o auge da desmoralização do presidente foi quando Mandetta teve, de novo, de desdenhar do uso da cloroquina antes da comprovação científica. O ministro disse que foi colocado em uma salinha depois da reunião com o presidente para ouvir duas pessoas pedirem um decreto para liberar o uso. A salinha era dentro do Palácio do Planalto.
(…)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário