domingo, 15 de março de 2020

Malafaia diz que não fechará Igreja por causa do coronavírus

Malafaia, que é alinhado a Bolsonaro e seu governo, publicou vídeo em seu twitter encorajando as pessoas a irem para sua Igreja e questionou até as orientações para prevenção do coronavírus, COVID-19. Malafaia até pediu para fazer uma oração a Deus para “evitar que o coronavírus se espalhe”  a posição do pastor gerou críticas nas redes sociais.
No seu perfil no Twitter, o pastor Silas Malafaia postou um vídeo para encorajar as pessoa a irem a Igreja. Mesmo com recomendações para evitar aglomerações por causa do COVID-19, ele até questionou as orientações para a prevenção do coronavírus em um vídeo de 15 minutos.




Malafaia pediu para os fiéis orarem :
“Repitam comigo. “Que esse vírus seja destruído da nossa nação  pelo poder do nosso Senhor Jesus Cristo. Nós te pedimos que esse vírus não consiga fazer desgraça no nosso país”.


O posicionamento gerou críticas em suas redes sociais.  “É hora de evitar aglomerações”.
Malafaia diz em vídeo :” Nós temos uma coisa que ninguém tem, é o poder da fé e da oração, nós temos que orar, Senhor tem misericórdia” ” Senhor isso não vai se proliferar”.
Malafaia falou que é importante manter a Igreja aberta. ”A nossa Igreja aqui vai ficar de portas abertas. Se amanhã os governos disserem que vai (sic) impedir transporte público, fechar mercados, fechar todas lojas. A Igreja tem que ser o último reduto do povo. Eu vou estar aqui como pastor.”


58 people are talking about this


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário