segunda-feira, 23 de março de 2020

Bolsonaro enfrenta sexto dia seguido de panelaços contra seu governo

Cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte e Porto Alegre voltaram a ser tomadas pelo som das panelas batendo e os gritos de “Fora Bolsonaro”


A noite deste domingo (22) repetiu o panorama e a trilha sonora das últimas noites, em diversas capitais do país. Em diferentes bairros, milhares de pessoas foram às janelas para bater panela e gritar “Fora Bolsonaro” .



Devido à pandemia do coronvírus, os movimentos de oposição ao presidente decidiram não realizar eventos públicos. Para não deixar a indignação em quarentena, boa parte da população está encontrando nos panelaços a forma de se expressar neste momento.
O presidente tem causado indignação em diferentes setores do país, devido à postura de tratar a pandemia do coronavírus como uma “gripezinha” ou uma “histeria”. Também a de estimular o uso da cloroquina no tratamento de pacientes, já que se trata de um medicamento cuja eficácia em casos de Covid-19 ainda está sendo testada.


Além disso, suas últimas ações tem entrado em choque com as medidas que alguns governadores sim estão tomando para cuidar os seus estados, principalmente no Nordeste, onde vem contrariando medidas de Flávio Dino (Maranhão), Camilo Santana (Ceará) e Rui Costa (Bahia).
No Sudeste, a atuação de Bolsonaro o levou a ser confrontado até por seus outrora aliados Wilson Witzel (Rio de Janeiro) e João Dória (São Paulo).
Veja alguns registros do panelaço deste domingo:

19 pessoas estão falando sobre isso


43 pessoas estão falando sobre isso



Fonte: Revista Fórum
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário