domingo, 23 de fevereiro de 2020

Bernie Sanders tem vitória esmagadora em Nevada e assume liderança das prévias do Partido Democrata

O socialista democrático teve 46,6% dos votos, mais que a soma dos três adversários mais próximos, ficou com todos os delegados do Estado, e já está em primeiro na contagem nacional


Uma “lavada” em Nevada. É assim que os meios estadunidenses estão descrevendo o caucus que se realizado no estado, este sábado (22), que terminou com uma vitória do candidato progressista Bernie Sanders, por uma diferença enorme sobre os seus adversários.
Conhecido como “socialista democrático”, como ele mesmo gosta de se auto definir, Sanders teve 46,6% dos votos em Nevada. A diferença foi tão grande que ele teve mais votos que os três adversários mais próximos somados: Joe Biden (19,2%), Pete Buttigieg (15,4%) e Elizabeth Warren (10,3%), se juntassem seus percentuais, teriam 44,9%.


A apuração em Nevada ainda não, terminou – aliás, ainda faltam mais de 30% dos votos a serem contados – mas a tendência de vitória esmagadora de Sanders já é irreversível, segundo a quase unanimidade da imprensa local. Tanto é assim que a campanha do candidato já comemora o resultado nas redes sociais.
Breaking: We won Nevada!

We are building an unprecedented grassroots movement, and together, there is nothing we cannot accomplish.

Let’s take the next step and win it all. Chip in here: https://secure.actblue.com/donate/bernie_february_donate/?refcode=tw200222-video 

11,3 mil pessoas estão falando sobre isso


Com isso, o candidato progressista assume também a liderança da disputa nacional para escolher o candidato presidencial do Partido Democrata nas eleições de novembro de 2020. Com a vitória por ampla diferença, Sanders ficou com os sete delegados de Nevada, e passou a ter 28 em todo o país. Pete Buttigieg, que encabeçava a disputa até ontem, estacionou nos 22. Elizabeth Warren, com apenas 8, e Joe Biden, com 6, estão ainda mais distantes.
A próxima etapa das prévias estadunidenses acontecerá na Carolina do Sul, no próximo sábado, dia 29 de fevereiro, e será a prévia da chamada “superterça”, dia 3 de março, quando 13 estados realizarão suas eleições internas de forma simultânea.


Fonte: Revista Fórum
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário