quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Bolsonaro decide apoiar secretário corrupto da SECOM

Em reunião realizada nesta quarta-feira (15) entre Jair Bolsonaro, o ministro da secretaria de Governo, Eduardo Ramos, e o chefe da Secom, Fabio Wajngarten, que teve hoje denunciado um esquema de recebimento de propina, Bolsonaro deu apoio a Wajngarten, de acordo com Bela Megale, do Globo.



Eduardo Ramos, chefe da pasta a qual pertence a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), também saiu em defesa de Fabio Wajngarten.


"A matéria da Folha de S. Paulo sobre o secretário Fábio Wajngarten é mais umas dessas maldades que se faz contra homens públicos. Fábio é um homem sério, honesto e dedicado ao governo ao país. Confio no trabalho dele", escreveu Ramos no Twitter.





Fonte: Brasil 247
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário