sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Como a extrema-direita usa o medo e fake news para influenciar pessoas

Cientista político italiano em livro tenta explicar como a extrema-direita no mundo, tenta usar os algoritmos, o medo e teorias da conspiração para influenciar pessoas 
Um cientista político franco-italiano, Giuliano da Empoli, escreveu um livro que deveria ser o novo livro de cabeceira, para quem quer entender  ascensão de Bolsonaro e da extrema-direita no mundo, afinal tudo que tem sido feito até aqui não teve resultado objetivo para derrotar o bolsonarismo e a extrema-direita.


O livro organizado por Da Empoli tem um título que por si só é bem auto-explicativo: ” Os engenheiros do caos: Como as fake news, as teorias da conspiração e os algoritmos estão sendo utilizados para disseminar ódio, medo e influenciar eleições”, que está disponível em português, pela Editora Vestígio.
No livro o autor, explica como a extrema-direita usa o medo, as teorias da conspiração, o escândalo e a superexcitação permanente, para manter uma parte da sociedade mobilizada, não importando inclusive se o conteúdo que circula é VERDADE OU NÃO.

O autor em entrevista ao Nexo Jornal, o autor falou brevemente como a lógica de engajamento das redes sociais se sobrepôs a lógica de fazer política de maneira tradicional.  Segundo ele, o motor das redes sociais são as emoções. Em entrevista, ele afirmou que eles usam todo tipo de conteúdo possível para manter engajados o seu público.
O autor em entrevista ao Nexo Jornal, o autor falou brevemente como a lógica de engajamento das redes sociais se sobrepôs a lógica de fazer política de maneira tradicional.  Segundo ele, o motor das redes sociais são as emoções. Em entrevista, ele afirmou que eles usam todo tipo de conteúdo possível para manter engajados o seu público.


Fonte: Falando Verdades
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário