sábado, 23 de março de 2019

Bolsonaro diz no Chile que salário no Brasil é um dos mais altos do mundo

Em meio à discussão sobre a Reforma da Previdência, que prejudicará principalmente os trabalhadores mais pobres, o presidente Jair Bolsonaro deu mais uma declaração polêmica e contra os assalariados brasileiros neste sábado 23, durante um café da manhã com empresários no Chile. Ele disse que o brasileiro ganha muito e defendeu que o sistema do Brasil ’beire a informalidade’.

A equipe econômica nossa também trabalha uma forma de desburocratizar o governo, desregulamentar muita coisa. Tenho dito à equipe econômica que na questão trabalhista nós devemos beirar a informalidade porque a nossa mão-de-obra é talvez uma das mais caras do mundo", declarou.



Ele já havia dito algo parecido antes de tomar posse, em dezembro, quando declarou que "ser patrão é um tormento" no Brasil e que a lei tem que se aproximar da informalidade. Em outra ocasião, um dia após o ministro Onyx Lorenzoni anunciar o fim do Ministério do Trabalho, o então presidente eleito disse que "é horrível ser patrão no Brasil com essa legislação que está aí".

Na fala com os empresários, ele também voltou a falar em ideologização nas escolas e também na imprensa. "Nos preocupa também, começou no governo Fernando Henrique e se agravou nos governos Lula e Dilma, a questão ideológica que tomou conta das universidades e inclusive das escolas de ensino fundamental e também da grande mídia. É difícil encontrar um jornalista da grande imprensa que possa discutir conosco de igual para igual. Sempre tem um viés de esquerda nas discussões e parece que eles não querem enxergar ou foram doutrinados demais", afirmou.

Fonte: Brasil 247


Ajude o Nosso Canal no Youtube :Inscreva-se
Reações:

28 comentários:

  1. #Bolsonarotemrazao. Hoje temos uma esperança de se aposentar, de termos empregos, segurança e saúde. Exatamente o que NÃO teriamos mais na continuação do governo de esquerda. Com mil homicídios por ano,MAIS de 16 MIL desempregados, uma LEGIÃO de drogados e moradores de rua em escala crecente!!!!! Quem ia se aposentar ???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigindo. Mais de 60 mil homicídios.

      Excluir
    2. nem posso falar nada desse analfabeto funcional, pode ser bulling. deixa ele achar que sabe escrever e sabe o que esta lendo.

      Excluir
    3. Foi a coisa mais ridícula que já escutei. Yahanah Borges, reveja seu conceito e procure os livros de história. Vc está muito enganada.

      Excluir
    4. Yahanah, esses de cima devem ser de esquerda, para que eles entendam, vc deve soletrar e repetir várias vezes pra ver se cai a ficha, ou desenha...

      Excluir
    5. Inacreditável alguém ser capaz de dizer tanta merda!

      Excluir
    6. Beirando a informalidade com a maioria ganhando em média dois salários mínimos mínimos vai virar missão impossível aposentar.Salario alto e do judiciário do legislatívo e dos militares. O executivo é o primo pobre do funcionalismo publico.A plebe ,os trabalhadores vinculados ao INSS serão os mais atingidos

      Excluir
  2. Ele não mentiu e uma das mais cara do mundo para quem paga e muitos tributos, ele quer tirar partes desses tributos que governantes anteriores colocará para recardar dinheiro e fazer o desvio.
    Ele está certo, temos que mudar esse Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senhor Claudio você é outro brasileiro que tem corpo aqui e a cabeça no estrangeiro. Pra ele arrecadar dinheiro tributado e reverter para o Brasil, terá que extinguir todo o Corporativismo do Governo. Presta atenção em que gestão até agora ele está favorecendo heim!

      Excluir
    2. Você concorda com o Bolsonaro porque deve ser patrão, empresário. Se você vivesse de salário, não pensaria assim.

      Excluir
  3. Só tem comentários de grandes empresários ou pseudo-ricos!

    ResponderExcluir
  4. Ainda tem gente que defende. Tralho mais caro do mundo é o trabalho que a classe política presta e outros serviços...

    ResponderExcluir
  5. Digo a muio tempo que o trabalho assalariado deveria acabar em definitivo. Todos deveriam ser obrigados a constituir firma aberta e com isso se tornar empresários. Podem ter certeza que alguns comentários deixariam de existir muito rapidamente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Senhor Claudinei o cenário esta propicio e civilizado pra abrir firma, até no cartório já te comem o coro, acho que muitos que falam igual a você, tem o corpo aqui e a cabeça no estrangeiro, só pode ser...

      Excluir
  6. Parei de ler na parte que prejudica os mais pobres, Façam um favor a voces mesmo, nao sigam essa pagina de esquerda mentirosa

    ResponderExcluir
  7. Bolsonaro deve ter respondido pelo salário dos políticos que realmente são os mais caros do mundo pagos por nós trabalhadores.

    ResponderExcluir
  8. Burros não deviam falar, deviam estudar. Brasil é o 74º na posição do valor do salário mínimo, atrás de quase todos os outros países da América do Sul, inclusive Venezuela e Paraguai. No nosso continente, apenas Bolívia e Guiana têm salários menores: https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_sal%C3%A1rios_m%C3%ADnimos_por_pa%C3%ADs

    ResponderExcluir
  9. Ainda bem que fora do Brasil ninguém leva a sério as merdas que ele fala, em outros países ele não teria chance nem para vereador

    ResponderExcluir
  10. O mau do Brasil é a interpretação de texto. Mão-de-obra não significa salário. Um empresário no Brasil para contratar um empregado gasta três vezes mais devido as altas taxas de impostos e burocracia. A esse fato o presidente se refere, não a salários.

    ResponderExcluir
  11. Tem que acabar com a mamata dos sindicatos mesmo. Nada do trabalhador ficar sustentando vagabundo.

    ResponderExcluir
  12. Yahanah Borges, como está a população em Marte? Faz tempo que mudou da terra?

    ResponderExcluir
  13. Mídia mentirosa. Seria bom ler o teor da reforma antes de condenar.

    ResponderExcluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir